Casos de coronavírus e número de mortes no Brasil em 3 de junho

As secretarias estaduais de Saúde confirmam no país 558.237 casos do novo coronavírus (Sars-CoV-2), com 31.309 mortes.

Total de curados passa de 250 mil.

Veja os dados sobre o coronavírus no Brasil nesta terça-feira (2), segundo levantamento exclusivo do G1 junto às secretarias estaduais de saúde.

Foram registradas 31.309 mortes provocadas pela Covid-19 e 558.237 casos confirmados da doença em todo o país. Os balanços também apontam para um total de 253.570 pacientes recuperados da doença. Casos e mortes por Covid-19 no Brasil em 2 de junho Editoria de Arte/G1 O diretor de emergências da Organização Mundial de Saúde (OMS), Michael Ryan, destacou na segunda-feira (1º) que o Brasil foi um dos países com o maior aumento do número de casos de Covid-19 nos últimos dias.

Também afirmou que o país está entre aqueles que não chegaram ao pico da transmissão. Desde 22 de maio, o Brasil é o segundo país com mais casos confirmados de Covid-19, atrás apenas dos Estados Unidos, que registravam mais de 1,7 milhão de casos neste domingo (31), segundo balanço global feito pela universidade norte-americana Johns Hopkins.

No sábado (30), o Brasil passou a França em número de mortes por Covid-19, quando o país europeu, um dos mais afetados pela pandemia, tinha 28.774 mortos no balanço da Johns Hopkins.

O balanço do Ministério da Saúde nesta terça (2) registrou 1262 novos óbitos, número recorde de vítimas anotadas em um dia, totalizando 31.199 mortos e 555.383 casos.

Somos o quarto país em número de mortos pela doença, atrás de EUA, Reino Unido e Itália. Consulte aqui quantos casos e mortes há em sua cidade. Das 20 cidades com maior mortalidade no Brasil, 15 estão na Região Norte.

No ranking, aparecem cinco capitais, nesta ordem: Belém (3°), Fortaleza (6°), Recife (9°), Manaus (12°) e Rio de Janeiro (17°). Taxa de ocupação de leitos de UTI Acre – 78,2% em todo o estado em 1º/6 Alagoas – 78% em todo o estado 1º/6 Amapá – 97,98% em todo o estado em 1º/6 Amazonas – 71% em todo o estado em 31/5 Bahia – 68% em todo o estado em 1º/6 Ceará – 89% em todo o estado em 17/5 Distrito Federal – 69,5% na rede privada e 42,24% na rede pública em 29/5 Espírito Santo - 77,55% em todo o estado em 25/5 Goiás - 66,15% dos leitos de gestão estadual, em todo o estado em 1º/6 Maranhão –97,5% na Grande São Luís, 84,4% no interior e 90% em Imperatriz em 1°/6 Mato Grosso – 14,6% em todo o estado em 27/5 Mato Grosso do Sul – 2,8% em todo o estado em 1°/6 Minas Gerais – 70% em todo o estado em 1º/6 Pará – 84,36% em todo o estado em 27/5 Paraíba – 73% em todo o estado em 1º/6 Paraná – 44% em todo o estado em 29/5 Pernambuco – 98% em todo o estado em 28/5 Piauí - 61% em todo o estado em 24/5 Rio de Janeiro – 86% em todo o estado em 24/5 Rio Grande do Norte – 93% em 1º/6 Rio Grande do Sul – 72% em todo o estado em 29/5 Rondônia – 62% em todo o estado em 25/5 Santa Catarina – 59,1% do sistema público em todo o estado em 29/5 São Paulo – 69,3% em todo o estado em 1º/6 Sergipe – 89,6% do sistema público em todo o estado em 29/5 Tocantins – 50% dos leitos ocupados em 25/5 Roraima não divulgou a lotação dos leitos de UTI do estado. Testes feitos pelos estados Número de testes de coronavírus feitos pelos estados Rio de Janeiro não divulgou o número de testes. Pacientes recuperados Pacientes recuperados de Covid-19 nos estados Initial plugin text
Categoria:Ciência e Saúde